[REC] 2:


Fonte: [+] [-]
Original: ([REC]2)
País: Espanha
Direção: Jaume Balagueró e Paco Plaza
Elenco: Letícia Dolera , Juli Fàbregas e Manuela Vlascoi.
Duração: 89 min.
Estréia: 03/09/2010
Ano: 2009


Evita armadilhas com habilidade.


Autor: Laura Cánepa

Entre as boas novidades surgidas na edição do “SP Terror” deste ano (2010), uma já surgiu logo na sessão de abertura do festival - diferentemente do ano passado, quando os convidados assistiram a uma das versões do fraquíssimo prequel/remake de "Halloween" (2007), de Rob Zombie, desta vez -: o filme escolhido foi [Rec] 2 , dos espanhóis Paco Plaza e Jaume Ballaguero, que entra em cartaz agora aqui em São Paulo

Trata-se da continuação de um dos filmes de horror mais surpreendentes dos últimos anos: "[Rec]", realizado pela mesma equipe em 2007. No primeiro longa, filmado na forma de um “reality show”, uma misteriosa praga semelhante à raiva acomete um pacato prédio residencial em Madrid. Os horrores que se espalham rapidamente entre os moradores são registrados por uma repórter (Manuela Velasco) e por um cinegrafista que estão acompanhando uma equipe do corpo de bombeiros.

[Rec] 2 começa exatamente onde o primeiro termina, apresentando uma equipe de policiais que deve acompanhar um misterioso funcionário do governo para entrar no prédio sem sobreviventes e tentar descobrir o que aconteceu.

Sem dúvida, por se passar-se inteiramente no mesmo cenário do primeiro filme, correria o sério risco de apresentar-se simplesmente como “mais do mesmo”. Mas os diretores souberam sair dessa armadilha, criando soluções interessantes de variação - sobretudo através da introdução de vários personagens que portam câmeras e nos dão diferentes (e complementares) versões dos fatos.

Outra qualidade deste filme (e que já se apresentara no anterior) é uma boa carpintaria de roteiro, que mescla muita tensão a cenas engraçadas, além de criar personagens verossímeis e insuportavelmente chatos, o que incentiva o sadismo da platéia e torna a experiência mais divertida, sem ser propriamente cômica.

É possível que, diante da solução religiosa para o mistério (que já se desenhava no final do longa anterior), alguns espectadores achem [Rec]2 um pouco forçado. Mas acredito que a tradição católica da Espanha ajude a compreender as escolhas feitas pelos diretores, além de apontar para um interessante desdobramento em filmes posteriores.

Isso, aliás, já está acontecendo. Segundo consta, as filmagens de "[Rec] 3" estão adiantadas, garantindo a continuidade dessa saga espanhola, a despeito do remake sem brilho de "[Rec]", feito a toque de caixa nos EUA em 2008, e chamado por lá de "Quarentene" (no Brasil, "Quarentena"), dirigido pelo quase desconhecido John Erick Dowdle.

Leia também: