AS VIDAS DE MARIA:


Fonte: [+] [-]
Original: Idem
País: Brasil
Direção: Renato Barbieri
Elenco: Ingra Liberato, Gustavo Melo, Gésio Amadeu, Cláudio Jaborandy, Stephany Brito e Ingrid Zago.
Duração: 76
Estréia: 25/11/2005
Ano: 2005


O cinema nacional merece respeito


Autor: Cid Nader

Por vezes, os amigos deveriam servir para dar toques, conselhos, baixar para a terra quem está voando sem asas. Se alertado, humildemente tentar - ao menos - verificar quais são os conselhos que recebe, a razão de ser deles, sua origem e, se razoavelmente plausíveis, aceitá-los. Afinal, amigos de verdade, mais que para tomar uma "breja" gelada no boteco predileto, mais do que tapinhas nas costas e felicitações falsas, não deveriam gostar de ver um companheiro expondo-se à possibilidade do ridículo.

Se a equipe de trabalho do alertado acima tiver um pouco de amor-próprio, quando não isso um pouco de bom senso e tino profissional - afinal de contas, embarcar numa furada gigantesca pode criar dificuldades para trabalhos futuros, futuras possibilidades - deveria, em causa própria que seja, cobrar do chefe um melhor resultado, questionando-o e pressionando na tentativa de dificultar a apresentação de algo com resultado tão deficitário. Alertado pelos companheiros de profissão de que nada daquilo que sempre imaginou, uma obra coesa, imaginativa e charmosa, engraçada na medida certa e capaz de arrancar suspiros e algumas lágrimas - docemente -, afinal, que nada daquilo foi alcançado, e mesmo assim, teimosamente, egocentricamente, resolver botar a cara para bater e encarar as feras - mesmo sabendo que não será o único a sair machucado.

Pior de tudo será se, o executor, chefe, amigo, realizador, iludido por aplausos elogiosos dos mais próximos, também cegos pelas perspectivas do reconhecimento, não for capaz de perceber erros crassos de reconstituição e perigosíssimas simplificações no assunto sexualidade.

Mais triste ainda se esse acúmulo de erros,de equívocos, de pobreza, tiver algum tipo de ligação com alguma realização do cinema nacional, que é coisa séria e merece respeito.

Nessa sexta entra em cartaz "As Vidas de Maria", de Renato Barbieri.

P.S.: ONG, ginástica localizada, gravidez indesejada, CD, operação mãos-limpas, cortes específicos de cabelo, bandeirinhas do Brasil ou personal-trainer, não nasceram juntos, em época indefinida, com o início da humanidade.
Leia também: